Na manhã desta sexta-feira (23/9), membros, servidores e estagiários do Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul tiveram a oportunidade de participar de uma palestra com a temática “Prevenção ao Suicídio” no sistema on-line e ao vivo.

Essa é uma inciativa da Escola Superior do Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul (ESMP-MS) em parceria com o Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça dos Direitos Constitucionais do Cidadão, dos Direitos Humanos e das Pessoas com Deficiência (CAODH) e com o Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Criminais e do Controle Externo da Atividade Policial (CAOCRIM).

A Promotora de Justiça Cláudia Loureiro Ocáriz Almirão, membro do Conselho Administrativo Consultivo da ESMP-MS, conduziu os trabalhos da cidade de Dourados.

A palestra foi ministrada, pela voluntária e porta-voz do Centro de Valorização da Vida (CVV) do Estado de Santa Catarina, Carmen Lacerda, e fez alusão ao Setembro Amarelo, mês oficial do calendário brasileiro, que traz uma reflexão sobre o tema “suicídio”. Segundo Carmem, o ato de tirar a própria vida é antinatural. “Afinal, o extinto do ser humano é de sobrevivência. Trazer esse assunto é um excelente caminho para a prevenção ao suicídio. São muitas as formas usadas para que haja essa reconexão com a vida: rodas de conversa, grupos de apoio, o CVV. As instituições e empresas têm buscado caminhos, isso é fundamental, e é importante que este assunto seja conversado”.

Em 2022, o lema da campanha do Setembro Amarelo é: “A vida é a melhor escolha!”, e diversas ações já estão sendo desenvolvidas, para que a reflexão seja feita e a sociedade desmistifique o tabu que envolve o assunto.

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS)

O suicídio continua sendo uma das principais causas de morte no mundo, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), sendo responsável por uma em cada 100 mortes. A cada ano, mais pessoas morrem por suicídio do que por HIV, malária ou câncer de mama, ou devido à guerra e homicídio

De acordo com a última pesquisa realizada pela OMS em 2019, são registrados mais de 700 mil suicídios em todo o mundo, sem contar com os episódios subnotificados, pois com isso, estima-se mais de 01 milhão de casos. No Brasil, os registros se aproximam de 14 mil casos por ano, ou seja, em média 38 pessoas cometem suicídio por dia.

Texto: Waléria Leite/Jornalista-Assecom MPMS com informações do site: setembroamarelo.com

Imagens: ilustrativa